Passagens

o blog do Wanderley Geraldi

De Fel & Mel, de Donizetti Adalto

HERZOG Foi preso Torturado Cacetado Suicidado   Subiram-no à forca Ficou esticado Calado Amordaçado   Está sepultado Enfim, Calado. (A União fez a forca)   CANÇÃO PARA UM DESAPARECIDO (O estudante Três Rios de Oliveira, que morava em Apucarana, Paraná, foi perseguido...

Para encontrar o azul eu uso pássaros

Este livro de Manoel de Barros sobre o seu Pantanal é um livro para ver e para ler. Edição bilíngue (português e inglês, 1ª. edição em 1999), tornada possível graças a Enersul e a Petrobras Gás S.A., com as fotos de Asa Roy e Osmar Onofre, abre com uma sequência de...

Caminhos do silêncio

Metodológico e monocórdico os passos repetidos nos caminhos do silêncio.   Em verdes tempos verdes uma flor uma rosa um espinho.   Juventude: carinho e amor. Depois, uma imensa necessidade imensa de dizer, de falar, de saber, de viver   Mas, em tempos de euforia vede:...

Manhã transfigurada

Este livro do gaúcho Luiz Antonio de Assis Brasil tem, hoje, a idade de 36 anos: escrito em fins de 1981 e publicado em 1982. Se tem idade contável, tem tema eterno desde que o mundo humano existe: a relação homem/mulher num triângulo amoroso. E seguramente o...

VOTO – ARMA PODEROSA. SEMPRE?

En la lucha de clases Todas las armas son buenas Piedras Noches Poemas …. O poema de Paulo Leminski é uma arma poderosa. Linda. O voto do eleitor é arma poderosa. O voto na democracia é justo. É direito de todos, independentemente de classe social, cor, raça, nível...

PSDB: Madalena arrependida?

O senador Tasso Jereissati vem a público para uma confissão: o PSDB foi de roldão, caindo de erro em erro. Primeiro, dados os resultados das eleições de 2014, quis recontagem de votos, quis o escarcéu... e entrou inclusive no STF pedindo a cassação da chapa...